Espaço para desvanecer a cada instante. Aqui se encontram textos, imagens e gráficos de vários autores. Sempre precisei colecionar o que eu chamo de figurinhas mágicas. São cartas que abrem novos horizontes e paisagens. Então, boa viagem ;)

sábado, 12 de setembro de 2009

気 - Ki - Energia Vital

A energia vital que toda a matéria e os seres vivos possuem em japonês se chama Ki (気), um kanji que possui origem do ideograma chinês. Ele é usado em varias locuções linguísticas no quotidiano japonês, muitas vezes absorvemos essas expressões sem refletir o por quê de se usar esse ideograma nelas. Compartilho abaixo um pouco da cultura japonesa com vocês. Abraços. Yiuki Doi

  1. Sentindo-me (feeling) = kimoti (気持ち) = ki (energia) + moti (segurar) = Sentir é como asseguramos as energias.
  2. Favorito = kiniiri (気に入り)= ki (energia) + ni (preposição de destino) + iri (entrar) = Refere-se àquilo que favorecemos a entrada dentro do nosso ki.
  3. Não ligar = kinishinai (気にしない) = ki (energia) + shinai (não fazer) = Não ligar, não se preocupar ou não se importar em japonês significa não transformar em energia. O contrario disso seria Kinisuru (気にする) que significa se importar-se, preocupar-se e ligar-se.
  4. Avoado = nonki (呑気) = non (repuxado, retido, engolido) + ki (energia) = Uma pessoa avoada é aquela que repuxa o seu ki desconectando-se do seu entorno. É dita como sossegada e tranqüila, mas como é desligada da realidade geralmente não é bem vista dentro da sociedade.
  5. Ter atenção = kiwotsukeru (気を付ける)= ki (energia) + wo (preposição) + tsukeru (conectar) = Ter atenção é conectar a nossa energia para as coisas que nos rodeiam. Muitas vezes também se usa a expressão Kigakiku (気が利く) no japonês. O Kiku significa eficiente e por isso Kigakiku se refere as pessoas que possui a capacidade de entender o contexto e ser eficiente nela. É apreciada essa virtude para um japonês, pois entender e fazer parte do lugar ou da situação são essenciais numa convivência nipônica. No português tem uma palavra que lembra o Kigakiku, seria o prestimoso.
  6. Espairecer = kibarashi (気晴らし) = ki (energia) + barashi (fazer um céu azul) = Dissipar as nuvens internas para que nosso ki se clareie que nem um céu azul.
  7. Mesurar-se = kigane (気兼ね) = ki (energia) + gane (combinar) = Para combinar a energia com os outros precisamos restringir uma parte nossa, nesse contexto usamos a palavra kigane em japonês. Kigane é cansativo, pois existe uma restrição e privação de energia. Algumas pessoas causam isso e outras vezes algumas situações ocasionam isso. Kigane é necessário num contexto social japonês, faz parte da educação nipônica. No Japão não se aprecia pessoas efusivas e expansivas demais, as energias pessoais devem estar de acordo com o ambiente.
  8. Estado físico = kibun (気分) = ki (energia) + bun (parte): kibun não está bem, kibun está mal (estou passando bem, estou passando mal). Estado físico é uma parte do Ki de uma pessoa. Assim pela etimologia podemos concluir que somos um ki maior do que somente a matéria.
  9. Ater-se = kininaru (気になる) = kininaru = ki (energia) + ni (preposição de destino) + naru (transforma-se) = Usa-se esse termo kininaru para algo que se torna energia dentro de ti. Pode ser preocupação, curiosidade, afeição, etc. Algo externo chama a sua atenção, pois ele se torna energia.

P.S. Pesquisei a etimologia dos ideogramas e interpretei com a minha vivência como nissei.

P.S. Certa vez aprendi na “Nova Acrópole - Curso de Filosofia à maneira Clássica” que a tradição pode ser entendida como aquilo que se repete independente do tempo, espaço e cultura. Desta maneira, em muita ocasiões não sinto a diferença no uso da palavra Chí (China), Ki (Japão), Axê (África) e Prana (Índia).

P.S. Outra curiosidade, Aikidô em japonês escreve 合気道.
• Ai (合) = unificação, integração ou sintonia;
• Ki (気) = energia vital, a força vital que, num sentido restrito, anima o ser humano e, num sentido amplo, é o campo de energia que permeia todo o universo;
• dô (道) = caminho, senda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Archivo del blog